Ir Arriba

IICA se alia com Fundação CODESPA, 4-H e as universidades UCR e CENFOTEC para acelerar a modernização do agro nas Américas

CODESPA
Manuel Otero, General Director of IICA, and Michelle Riestra, Executive Director of the CODESPA Foundation.

San José, 5 de novembro de 2019 (IICA) – A Fundação CODESPA, os clubes 4-H, a Universidade da Costa Rica (UCR) e a Universidade CENFOTEC desenvolverão projetos de cooperação técnica em conjunto com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) para impulsar o desenvolvimento da agricultura e dos territórios rurais.

A formalização dos acordos se deu no âmbito da Conferência de Ministros da Agricultura das Américas 2019, realizada em San José, de 29 a 31 de outubro, na qual participaram os altos encarregados de agricultura dos 34 países membros do IICA.

Com a Fundação CODESPA, de origem espanhola, o acordo é para executar projetos focados no desenvolvimento dos mercados rurais e no agroturismo.

“Levamos 15 anos implementando este tipo de projeto nas Américas, com o IICA se trata de unirmos como parceiros e termos maior impacto na região”, afirmou Michelle Riestra, Diretora Executiva da Fundação CODESPA – América.

O convênio com 4-H pretende fortalecer as capacidades de jovens líderes do meio rural para acelerar a modernização da agricultura e a melhoria nas condições de vida do campo.

4-H é a maior organização de desenvolvimento juvenil dos Estados Unidos, associada ao Departamento de Agricultura daquele país (USDA, na sigla em inglês).

Os acordos do IICA com as universidades da Costa Rica (UCR) e CENFOTEC buscam  reforçar sua oferta de fortalecimento de capacidades mediante cursos, oficinas e fóruns, além de desenvolver estratégias de capacitação on-line baseadas na robusta plataforma de cursos virtuais do Instituto.

Com CENFOTEC, busca-se promover a inclusão digital de jovens e mulheres das zonas rurais e democratizar o uso das tecnologias, da informação e do conhecimento.

Com a UCR, o IICA trabalhará para fortalecer as competências em cooperação técnica e pesquisa conjunta em áreas como inovação, bioeconomia, sanidade agropecuária, inocuidade e qualidade dos alimentos, mudança climática e segurança alimentar.

“Não podemos avançar sozinhos, por isso que as alianças estratégicas são fundamentais para melhorar a qualidade de vida e o bem-estar dos territórios rurais nas Américas”, disse Manuel Otero, Diretor General do IICA.

Mais informações:

Comunicação Institucional, IICA

comunicacion.institucional@iica.int