Ir Arriba
  • A Fundação AgForestry, de Washington, e o IICA concordam que o cuidado do ambiente e o fortalecimento dos sistemas agroalimentares são essenciais para revigorizar a economia das Américas

    A Fundação para a Educação Agrícola e Florestal do Estado de Washington (AgForestry) destacou o trabalho realizado pelo IICA nos sistemas naturais da região para assegurar a sanidade agropecuária e a inocuidade dos alimentos.
  • Katia Silene Tonkyre, primeira mulher cacique de sua aldeia, coletora e empreendedora indígena da Amazônia, receberá o prêmio “A Alma da Ruralidade”, que o IICA outorga a Líderes da Ruralidade das Américas

    O prêmio é parte de uma iniciativa do organismo especializado em desenvolvimento agropecuário e rural para reconhecer homens e mulheres que deixam sua marca e fazem a diferença nos territórios rurais das Américas.
  • Katia Silene Tonkyre, primeira mulher cacique de sua aldeia, coletora e empreendedora indígena da Amazônia, receberá o prêmio “A Alma da Ruralidade”, que o IICA outorga a Líderes da Ruralidade das Américas

    O prêmio é parte de uma iniciativa do organismo especializado em desenvolvimento agropecuário e rural para reconhecer homens e mulheres que deixam sua marca e fazem a diferença nos territórios rurais das Américas.
  • Katia Silene Tonkyre, primeira mulher cacique de sua aldeia, coletora e empreendedora indígena da Amazônia, receberá o prêmio “A Alma da Ruralidade”, que o IICA outorga a Líderes da Ruralidade das Américas

    O prêmio é parte de uma iniciativa do organismo especializado em desenvolvimento agropecuário e rural para reconhecer homens e mulheres que deixam sua marca e fazem a diferença nos territórios rurais das Américas.
  • Katia Silene Tonkyre, primeira mulher cacique de sua aldeia, coletora e empreendedora indígena da Amazônia, receberá o prêmio “A Alma da Ruralidade”, que o IICA outorga a Líderes da Ruralidade das Américas

    O prêmio é parte de uma iniciativa do organismo especializado em desenvolvimento agropecuário e rural para reconhecer homens e mulheres que deixam sua marca e fazem a diferença nos territórios rurais das Américas.
  • Katia Silene Tonkyre, primeira mulher cacique de sua aldeia, coletora e empreendedora indígena da Amazônia, receberá o prêmio “A Alma da Ruralidade”, que o IICA outorga a Líderes da Ruralidade das Américas

    O prêmio é parte de uma iniciativa do organismo especializado em desenvolvimento agropecuário e rural para reconhecer homens e mulheres que deixam sua marca e fazem a diferença nos territórios rurais das Américas.